Batman Arkham City

Batman Arkham City superou todas as expectativas e trouxe a melhor adaptação de um herói dos quadrinhos para os videogames. Com melhorias no seu tradicional sistema de combos, uma jogabilidade eficiente, melhorias na movimentação do personagem e um enredo impressionante, o título é o mais forte candidato a melhor jogo de 2011.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Batman Arkham City (Foto: Divulgação)Batman Arkham City (Foto: Divulgação)

Um dos jogos mais esperados do ano finalmente foi lançado para os consoles da geração atual. Batman Arkham City beira a perfeição e se coloca entre um dos principais jogos do ano. Confira: 

O Homem-morcego está de volta 

Quando Batman Arkham Asylum foi lançado, muitos torceram o nariz achando que seria mais uma tentativa frustada em levar um herói dos quadrinhos para o mundo dos games. Porém todos ficaram de queixo no chão diante do trabalho impressionante daRocksteady, cujas empresas jamais conseguiram chegar perto.

Como quase todo título bem sucedido em vendas e critica, não demorou muito para que uma seqüência fosse anunciada. O problema é que, ao longo de dois anos em desenvolvimento, muitos elementos eram adicionados ao produto final. Em outras palavras, diversos vilões e personagens famosos dos quadrinhos eram anunciados para o jogo. Por isso, criou-se um certo receio, já que alguns achavam um certo exagero tanta coisa em um único game, e outros temiam que isso tirasse um pouco da essência do primeiro jogo.

Mas a verdade é que tudo não passou de um susto. Devemos comemorar cada elemento adicionado no game. E se você é fã dos quadrinhos de Batman e cia, prepare-se para resolver os diversos problemas encontrados em Gotham City, ou melhor, Arkham City.

Batman Arkham City (Foto: Divulgação)Batman Arkham City (Foto: Divulgação)

História digna de um Oscar 

O enredo de Batman Arkham City impressiona da mesma forma que Batman Dark Knightfez nos cinemas. Mesclando os elementos das HQs com uma pitada de seriedade, a história do jogo é digna de um filme ou de uma clássica edição especial.

Tudo começa quando Bruce Wayne se aventura na política e pretende acabar com Arkham City, pedaço de Gotham onde os piores inimigos da cidade são colocados em regime fechado. Bruce Wayne acaba seqüestrado e jogado dentro de Gotham City, a partir daí, é hora de vestir a roupa de morcegão e investigar a estranha tranquilidade do local.

Mr. Freeze em Batman: Arkham City (Foto: Divulgação)Mr. Freeze em Batman: Arkham City (Divulgação)

Personagens conhecidos dos quadrinhos de Batman estão presentes no jogo. Além dos vilões clássicos, como Coringa, Pinguim, Charada, entre outros, você ainda conta com o auxílio de seus aliados, como Alfred e Mulher-gato. Sim, além de ser sua aliada no jogo, você deve controlar ela em diversos momentos e realizar missões paralelas ao rumo de Batman, mas ao mesmo tempo fundamentais para o desenrolar da historia. Pena que o game não conta com um modo cooperativo para que seus amigos possam auxiliá-lo na aventura.

E se você tem dificuldade com inglês não se preocupe, a Warner Bros. distribui no Brasil o jogo totalmente legendado, ou seja, não só todos os diálogos do jogo, mas também todas as mensagens do game e os menus.

Batman Arkham City (Foto: Divulgação)Batman Arkham City (Foto: Divulgação)

Batman-ninja 

Desde Arkham Asylum, Batman ficou conhecido no mundo dos games por ser um incrível lutador, graças a variedade de combinações de golpes. Se não bastasse esse leque de habilidades, Batman ainda conta com seu famoso cinto de utilidades, local onde o personagem transporta diversas armas fundamentais para sobreviver no jogo.

Além de funcionarem contra os inimigos, estas armas são chaves para diversos quebra-cabeçaas ao longo do jogo, outra característica desde o game anterior. Desde o famosos Bat-rangue até armas únicas do jogo, como o gel explosivo.

Isso porque Arkham City não é um simples jogo de ação onde tudo se resolve com pancadas. É preciso ter estratégia e usar a cabeça durante o jogo todo para resolver de forma correta suas missões. Entretanto, na maioria das vezes há diversas maneiras de concluir uma missão, seja ela da maneira mais fácil ou mais difícil.

Batman Arkham City (Foto: Divulgação)Batman Arkham City (Foto: Divulgação)

Habilidades de Batman 

Batman Arkham City conta com um sistema de evolução de habilidades. Ao longo do jogo, depois de completar as missões principais ou secundárias, Batman ganha pontos de experiência que funcionam para adquirir estas habilidades.

Ainda sobre as missões, caso você termine o game e ainda tenha deixado boa parte das missões secundarias para trás, não se preocupe, pois é possível continuar a jogada e completar todas elas. Os famosos troféus do Charada estão presentes em Arkham City, e exige que o jogador jogue com Batman e Mulher-gato para conquistar todos. Isso sem contar nos inúmeros DLCs anunciados para o game, e os que ainda virão.

Batman Arkham City (Foto: Divulgação)Batman Arkham City (Foto: Divulgação)

Nunca foi tão fácil golpear 

Em relação a jogabilidade do game, o sistema de combos, que ficou famoso em Akham Asylum está de volta. Para quem não conhece o sistema, ele permite golpear seus inimigos com movimentos bem variados, bastando apenas apertar um único botão para golpear e apontar a direção com o direcional. Para defender e contra-atacar o método é o mesmo, apenas precisando contar com a percepção em visualizar o momento exato de desviar do golpe.

A movimentação de Batman pelo cenário também não deixa a desejar. O método com que o personagem plana pela cidade foi feito de forma brilhante e eficiente. Também é possível perceber que ficou mais fácil escapar de certas situações, seja se pendurando para que um inimigo não apareça, ou para desviar de balas e outros projéteis arremessados.

Batman Arkham City (Foto: Divulgação)Batman Arkham City (Foto: Divulgação)

Os gráficos que impressionam 

Se no game anterior os gráficos eram um dos grandes atrativos do jogo, em Arkham City eles só perdem o foco devido aos outros elementos fantásticos do game, como o mundo aberto, construído em detalhes. Outro ponto que impressiona é o trabalho feito pela Rocksteady em mesclar elementos do primeiro game com a ficticia Gotham City dos quadrinhos.

E não é só o cenário que se aplica muito bem essa junção. Os personagens do game também estão muito bem representados com suas particularidades. Desde a roupa no estilo “gatinha” de mulher-gato, até os efeitos gelados de Mr. Freeze em seu ambiente abaixo de zero.

Talvez a única reclamação seja em relação a alguns momentos com a câmera mais próximo, como por exemplo na hora em que Batman caminha por dutos de ventilação. Nestes pontos é possível notar gráficos um pouco mais pixelados que em partes maiores, entretanto isso não estraga de forma alguma o visual do game.

Conclusão  

Batman Arkham City superou todas as expectativas e trouxe a melhor adaptação de um herói dos quadrinhos para os videogames. Com melhorias no seu tradicional sistema de combos, uma jogabilidade eficiente, melhorias na movimentação do personagem e um enredo impressionante, o título é o mais forte candidato a melhor jogo de 2011 e sem dúvidas nenhuma um dos melhores games que tenho.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s