SOPA: OBAMA REJEITA “CONTROLE DA WEB”

Imagem

O governo Obama rejeitou o SOPA, projeto de lei que tramita na Câmara dos Deputados norte-americana e que ameaça a livre circulação de arquivos e ideias na web, e também o PIPA, versão do projeto de lei que circula no Senado.

O dia de hoje marcou uma vitória para os opositores da legislação, que é “supostamente anti-pirataria”, como alegam os opositores. A Casa Branca respondeu oficialmente a duas petições que pediam o veto do governo aos projetos de lei.

De acordo com o comunicado do governo Obama, a Casa Branca “não vai apoiar legislação que rompa com os padrões abertos da Internet”.

“Embora acreditemos que a pirataria on-line pelos sites estrangeiros é um problema sério que requer uma resposta séria legislativa, não vamos apoiar a legislação que reduz a liberdade de expressão, aumenta o risco de segurança cibernética, ou diminua o caráter dinâmico, inovador da Internet global”, diz o comunicado.

Imagem

O SOPA e o PIPA dão ao Departamento de Justiça norte-americano poderes de agir sobre sites estrangeiros que supostamente violem direitos autorais de empresas de conteúdo americanas. Para o Google, no entanto, as medidas são draconianas.

Entre as empresas que se opôem ao SOPA estão Google, Facebook, eBay, Mozilla, Twitter e America Online.

O comunicado do governo ressalta, porém, que a pirataria causa sérios problemas à economia norte-americana e que medidas duras de combate estão sendo preparados pelo governo em 2012.

Leia mais no Huffington Post (em inglês).

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s